sábado, 17 de janeiro de 2009

Tirei a aliança..aquela pela qual tanto "batalhei" para ter.
Senti-me despida, nua..vazia
A lagrima teimou em sair
Pensei em tornar a colocar...
mas seria um engano..
provavelmente a tua já saiu..
e nos braços de outra estás..
Olho em frente...não vejo nada
está tudo turvo
não tenho esperança..
não há nada para me agarrar..
sinto-me só, vazia, desiludida..
e triste..sem ti

13 comentários:

Skywalker disse...

Já senti tudo o que descreves nos teus textos, algumas coisas ainda sinto, também estou em recuperação.
Gosto das fotos que aqui tens.

Beijokas

tulipa disse...

Tanta tristeza , tanta desilusão que paira por aqui...todos nós já passamos por isso , uma duas três ....vezes na vida...em que nada parece fazer sentido...mas um dia...tudo voltará ao normal.
obrigada por te dares a conhecer no cantinho.

CC disse...

Skywalker

Achas que algum dia recuperamos de um amor chamado verdadeiro?que esquecemos todas as emoções sentidas? quero acreditar que sim.

obrigado pela visita, volta, estarei neste retiro triste e solitário

bjs

CC disse...

tulipa

obrigado pelas palavrasm será que a vida voltará a fazer sentido?quero mesmo acreditar que sim.

Aqui posso soltar a minha dor..é só o que pretendo fazer, gritar que me dói.

Foi um prazer conhecer o teu blog

beijos

Skywalker disse...

Sim, conseguimos. Pode demorar algum tempo mas acabamos por encontrar um novo amor mais forte que o anterior.

beijokas

Salto-Alto disse...

Eu nunca passei por isso, por isso sinto que não há nada que eu possa deixar aqui escrito que não pareça oco... Apenas posso dizer que lamento...

CC disse...

Salto

e espero que nunca passes, dói demais.

mas nem todas temos de passar por isto, e fico feliz que "conheço" alguém que não o fez.

desejo-te felicidade

obrigado no entanto pelas tuas palavras

bjs

c disse...

Embora não dessa forma já sofri por amor, desilusões, incertezas e recordações que parecem não ter fim apoderam-se de nos, e é difícil fechar a gaveta, guardar tudo, ficar apenas a saudade, porem, tal como aconteceu comigo, há um dia em que o passado não passa disso mesmo e só restam estas palavras: seguir em frente. Sê forte, um dia chega alguém para mudar tudo

CC disse...

c, li as tuas palavras, e cairam-me as lágrimas, estou muito sensível.
será que algum dia vou fechar tudo numa gaveta, e apenas recordar o meu passado sem esta dor?
eu sei e espero que sim, mas agora dói mesmo muito.

bjs

Mél disse...

Não se esquece um amor. Não esquecemos alguém que nos foi importante. O que acontece é que com tempo, as memórias vão ficando guardadas num canto da mente e um dia dás-te de conta que afinal já não pensas assim tanto nessa pessoa e que o sentimento que sentias é um grande carinho e estarás pronta para voltar a amar, porque ai já serás livre novamente. :)

CC disse...

Mél, bem sei que será assim, e até isso me dói..gostava tanto de amar quem amava.
Mas apercebo-me que também estava e estou agarrada aos bons momentos, esquecendo os maus, os maus que levaram a esta destruição.
espero sim um dia voltar a ser feliz..coisa que agora me parece tão impossível..

bj

c disse...

Tenho a certeza que sim. O tempo passa, novos projectos e encantos virão. Agora diverte-te, aproveita a vida ao máximo, descobre sorrisos e corre atrás de novos sítios,(pre)ocupa-te com o que realmente vale a pena. Um amor não faz uma vida e a dor não é eterna, acredita. Beijinhos :)

CC disse...

c

é difícil estar atenta a novos sorrisos, é difícil agora para mim ver a beleza da vida, neste momento tudo me é muito difícil.
sei que um dia irei acordar e tudo será uma memória desvanecida.